Header Ads

  • Últimas

    Homem mata mulher, atira na filha e comete suicídio em Minas


    Crime ocorreu na noite de quinta-feira. Assassino desceu do carro e atirou. A vítima havia pedido medida protetiva contra o ex

    Uma fisioterapeuta de 37 anos foi assassinada pelo ex-companheiro, de 45 anos, na noite dessa quinta-feira em Formiga, Região Oeste de Minas Gerais. O homem também atirou em uma das cinco filhas dela, de 17 anos, que está internada em um hospital da cidade. Após balear as duas, ele se matou com um tiro na cabeça. Milena da Silva Pereira Siqueira pediu uma medida protetiva contra Emerson Modesto de Faria no último outubro.

    Por meio da assessoria de imprensa da Polícia Civil, a Delegacia de Mulheres da cidade informou que Emerson era casado com outra mulher - que sabia do envolvimento dele com a vítima. Quando Milena pôs fim ao relacionamento com ele, o homem passou a ameaçá-la.

    HISTÓRICO DE VIOLÊNCIA

    Em 4 de outubro do ano passado, a fisioterapeuta procurou a delegacia para denunciar as ameaças. Equipes de policiais civis procuraram Emerson, que foi levado para a delegacia e preso em flagrante com base no Artigo 147 do Código Penal (crime de ameaça), mas ele pagou fiança e foi liberado. No mesmo dia, foi requerida a medida protetiva para Milena junto ao Judiciário. A vítima informou à delegada que Emerson não a procurava mais, mas passava de carro frequentemente em frente a casa dela. No início da tarde, o Tribunal e Justiça de Minas Gerais (TJMG) informou que não havia medida protetiva para Milena na comarca de Formiga, apenas um registro de violência doméstica contra Emerson.

    O ATAQUE

    O crime ocorreu perto da casa das vítimas, no Bairro Recanto da Praia. Ele estava dentro do carro, esperando a mulher a certa distância e, quando Milena chegou com a filha, ele as abordou e efetuou os disparos. Conforme a Polícia Civil, há relatos preliminares de que ele tentou forçá-la a entrar no carro. Após ela resistir, foi baleada junto com a filha.

    Mãe e filha foram atingidas no tórax. A adolescente ainda tentou se proteger com uma das mãos, que também foi gravemente ferida por um disparo. Em seguida, o homem atirou contra a própria cabeça. O Corpo de Bombeiros foi chamado às 20h40.

    As duas foram levadas à Santa Casa de Caridade de Formiga, mas a mulher já chegou morta ao hospital. A adolescente ficou internada na unidade.

    Segundo a Polícia Militar, o revólver usado no crime foi apreendido ao lado do carro de Emerson, um Gol prata. Dentro do veículo foram encontrados 12 estojos, um facão, medicamentos, uma corda e braçadeiras. Os materiais foram entregues à Polícia Civil.

    O corpo de Milena será velado em uma funerária no centro de Formiga, perto da Santa Casa. O estabelecimento informou que o sepultamento está marcado para as 14h desta sexta-feira no Cemitério Parque da Saudade.

    LUTO

    Além de trabalhar em uma clínica de estética, Milena cantava em uma banda da cidade. Tanto o estabelecimento quanto o grupo musical publicaram mensagens de luto pela vítima. “Perdemos uma irmã, dona de uma grande voz que louvava ao Senhor com o coração e a alma. Nosso coração fica triste, mas fica a certeza de que o louvor de sua voz ecoará no céu”, publicou uma amiga ligada à igreja Assembleia de Deus.

    Ela era uma das mulheres mais incríveis e corajosas que conheci. Trabalhava e criava 5 filhas. Era esteticista, dona de uma linda voz, cantava divinamente Milena Siqueira, parte sem concluir sua missão. Assistir ao noticiário é triste...Mas ver acontecer diante dos nossos olhos nos deixa sem chão. Quem ama não mata. Não confunda ciúmes doentio, agressão, espancamento com amor”, publicou outra amiga de Milena na mesma rede social.

    Fonte: Estado de Minas

    Nenhum comentário

    Sejam Bem vindos ao Vitrine! Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seu autor. Não aceitaremos mais comentários anônimos. Caso queira dar sua opinião tenha uma conta no Google.

    Post Bottom Ad

    Rádio Vitrine Santa Luzia