Header Ads

  • Últimas

    Capitão da PM acusado de abuso apresenta prova de não ser o autor e é liberado pela Polícia Civil


    O capitão da Polícia Militar (PM) acusado por moradores de abusar sexualmente de crianças e adolescentes não será preso. Ele foi detido na tarde dessa quarta-feira (19), após uma menina de nove anos acusá-lo, no aglomerado das Antenas, no Bairro Palmital, em Santa Luzia, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O militar foi espancado por moradores, detido e levado para a delegacia da cidade.

    Investigações da  Polícia Civil, no entanto, mostraram não ser ele o autor dos supostos abusos de menores na região. Uma das provas apresentadas pelo militar foi uma conversa de Whatsapp na qual ele combina a entrega de cesta básica para moradores do aglomerado. Além disso, características físicas do suspeito informadas pelas vítimas não batem com o perfil do capitão.

    Sobre as calcinhas infantis e potes de doce encontrados no carro do militar, ficou provado que pertencem a uma sobrinha do capitão. A mulher do militar, que também usa o veículo, deixou as peças íntimas e o doce no carro.

    Confira aqui a matéria que culminou na denúncia contra o PM

    Fonte: Itatiaia

    Nenhum comentário

    Sejam Bem vindos ao Vitrine! Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seu autor. Não aceitaremos mais comentários anônimos. Caso queira dar sua opinião tenha uma conta no Google.

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Post Bottom Ad

    Política no Vitrine