Header Ads

  • Últimas

    Agora é lei: Usar Cerol e Linha Chilena é Crime, Multa pode chegar a R$ 4 mil


    O Projeto de Lei (PL 313/17), que proíbe o uso de substância cortante em linhas de papagaio, foi aprovado, em 2º turno, nessa segunda-feira (9), na Câmara Municipal de Belo Horizonte. A proibição vale para o armazenamento, a comercialização, a distribuição e o manuseio de linha chilena, linha com cerol, ou qualquer outra substância cortante.

    A multa para quem for pego soltando pipa usando esse tipo de material é de R$ 2 mil. Já quem armazenar ou vender os produtos deve ser multado em R$ 4 mil. O valor das multas dobra em caso de reincidência.

    O uso do cerol já é proibido na capital pela Lei 7189/1996. Porém, a linha chilena, uma mistura de madeira, com óxido de alumínio, silício e quartzo moído, muito mais potente que o cerol, não constava da norma.

    Agora, para entrar em vigor, o projeto precisa ser sancionado pelo prefeito Alexandre Kalil (PHS).

    Denúncias sobre o uso de cerol ou linha chilena podem ser feitas pelo telefone 153.

    Nenhum comentário

    Sejam Bem vindos ao Vitrine! Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seu autor. Não aceitaremos mais comentários anônimos. Caso queira dar sua opinião tenha uma conta no Google.

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Post Bottom Ad

    Política no Vitrine