Header Ads

  • Breaking News

    Polícia Federal faz Operação em Santa Luzia


    Aplicação de debêntures sem lastro podem ultrapassar valor de R$ 1,3 bilhão. Há 20 mandados de prisão e 60 de busca e apreensão.

    Polícia Federal fez nesta quinta-feira (12) a Operação Encilhamento para apurar fraudes envolvendo a aplicação de recursos de Institutos de Previdência Municipais em fundos de investimento com debêntures sem lastro emitidas por empresas de fachada que podem ultrapassar o valor de R$ 1,3 bilhão. A debênture é um título de dívida que gera um direito de crédito ao investidor.

    A operação foi nomeada como Encilhamento e é a segunda fase da Operação Papel Fantasma. Policiais Federais e auditores-fiscais da Receita Federal cumprem 60 mandados de busca e apreensão e 20 mandados de prisão temporária expedidos pela 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Mato Grosso, Santa Catarina e Goiás.

    Em Santa Luzia a PF esteve na sede do IMPAS (Instituto Municipal de Previdência e Assistência Social). Acompanhado por uma delegada da Polícia Federal, o diretor da unidade forneceu informações detalhadas de movimentações realizadas na Caixa econômica Federal e no banco do brasil. A PF também expediu um mandado de prisão temporária para a cidade.


    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad