Header Ads

  • Últimas

    Mondial Lesa Consumidor vendendo produtos sem função ofertada


    Mensagens em embalagens prometem funções que na verdade não existem no produto que está dentro da caixa. Apesar de configurar crime contra o consumidor a Marca de Eletrodomésticos Mondial, tem recebido várias queixas (segundo o RECLAME AQUI) frente a informações constantes nas Embalagens que tem induzido consumidores ao erro na hora da compra. Mesmo assim, a Fabricante tem ignorado as queixas e vendido produtos que não realizam as funções ao qual deveriam desempenhar.


    Recebemos queixas de leitores (Consumidores) da Mondial se queixando de que informações constantes nas embalagens de alguns produtos da Marca são falsas. Nosso leitor Emmanuel reclamou que comprou uma Serra Tico-Tico (Modelo FST 03-400) e uma Furadeira 700W (Modelo FFi05-700) no Hipermercados Extra do Minas Shopping e que AMBOS os produtos não executavam as funções de 'velocidade variável' que continham nas embalagens dos produtos.


    Segundo Emmanuel, o SAC da empresa reconheceu o problema dos produtos e que as informações descritas na embalagem não condiziam com a verdade. Apesar de cientes do problema, a empresa Mondial, revelou não tomar nenhuma atitude e que o Produto continuará a ser comercializado mesmo não oferecendo o serviço anunciado.


    Segundo o Artigo 31 da Lei nº 8.078 de 11 de Setembro de 1990, "A oferta e apresentação de produtos ou serviços devem assegurar informações corretas, claras, precisas, ostensivas e em língua portuguesa sobre suas características, qualidades, quantidade, composição, preço, garantia, prazos de validade e origem, entre outros dados, bem como sobre os riscos que apresentam à saúde e segurança dos consumidores."


    O artigo 66 do Código de Defesa do Consumidor caracteriza como infração "fazer afirmação falsa ou enganosa, ou omitir informação relevante sobre a natureza, característica, qualidade, quantidade, segurança, desempenho, durabilidade, preço ou garantia de produtos ou serviços".


    A direção do Extra informou que não houve reclamações anteriores e que mesmo tendo em estoque  do produto e ciente de que a embalagem lesa o consumidor oferecendo uma função que o produto não tem, vai continuar comercializando o modelo citado mesmo alertada pelo consumidor. O Hiper revelou ainda que não tomará nenhuma medida referente a proteção dos consumidores, mesmo estes sendo lesados por uma compra que os induz ao erro.


    Encontramos os mesmos produtos sendo comercializados nas Lojas do Ponto-frio com as mesmas informações e modelos informados na denúncia.

    A Mondial tem um bom índice de soluções frente o Reclame aqui. Em 6.615 reclamações, todas foram respondidas com um índice de solução de 95,1%. Porém 86,5% voltaria a fazer negócio, indício de quem nem todas as soluções foram oferecidas pela empresa. A grande maioria das reclamações é devido a má qualidade dos produtos ofertados com 5.321 queixas.

    A Assessoria de Imprensa da Mondial retornou o nosso Contato, reconheceu o erro e informou que consumidores que se sentirem lesados devem entrar em contato com o SAC da empresa para solução de possíveis problemas.

    Nenhum comentário

    Sejam Bem vindos ao Vitrine! Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seu autor. Não aceitaremos mais comentários anônimos. Caso queira dar sua opinião tenha uma conta no Google.

    Post Top Ad

    ads

    Post Bottom Ad

    Info Drive