Header Ads

  • Últimas

    Grupo Del Rey é alvo de operação contra sonegação fiscal, Empresa deve mais de R$ 300 milhões


    O Grupo Del Rey, que atua no segmento de refrigerantes e sucos, foi alvo de nova operação conjunta que apura sonegação fiscal na manhã desta terça-feira (27). A Polícia Civil, o Ministério Público e a Secretaria da Fazenda mineiros estão cumprindo 14 mandados de busca e apreensão em Minas Gerais, nas comarcas de Ribeirão das Neves, Belo Horizonte, Nova Lima, Contagem, Cláudio e Sabará. Além destes, há dois mandados no Rio de Janeiro.

    A operação “Rei Posto” apura a prática de sonegação fiscal envolvendo o Grupo Del Rey, que atua no segmento de industrialização e comércio de refrigerantes e sucos. De acordo com o MP, três promotores de Justiça, quatro delegados de Polícia, 30 policiais civis, 40 servidores da Receita Estadual e um advogado do Estado participam da operação.

    O grupo Del Rey já havia sido investigado na operação “Que Rei Sou Eu”, em 2012, quando foi deflagrado um esquema de sonegação de ICMS que envolvia, além da principal empresa do grupo - a BH Refrigerantes -, várias distribuidoras criadas em nome de laranjas. De acordo com o MP, parte da dívida da empresa foi parcelada em acordo com o estado mas o grupo não honrou a dívida. Atualmente, o grupo Del Rey deve mais de R$ 300 milhões.

    Segundo o MP, o monitoramento dos negócios da empresa mostrou que a prática ilícita continuou, com a participação de novas lojas de fachada e simulações de transações comerciais para diminuir o imposto pago sobre a venda das bebidas.

    Fonte: Estado de Minas

    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    ads

    Post Bottom Ad

    Info Drive