Header Ads

  • Últimas

    Mãe que não aceitava namoro da filha de 16 anos é morta pelo genro em Santa Luzia


    A polícia segue à procura de Leonardo Aparecido Soares Vieira, de 35 anos, principal suspeito de matar a tiros Elizangela Amorim da Silva, de 37, em Santa Luzia, Região Metropolitana de Belo Horizonte.

    A mulher não aceitava o namoro da filha, de apenas 16 anos, com Leonardo, que teria vasto envolvimento com o mundo do crime. De acordo com familiares, o homem vinha ameaçando a família da adolescente de morte e, nessa segunda, teria cumprido a ameaça.

    O crime aconteceu na frente de uma das filhas de Elizangela, de apenas 9 anos. “Já temos a identificação do autor, um sujeito conhecido no meio policial, já foi preso várias vezes como autor de homicídios, já teve também uma tentativa de homicídio para cima dele”, explicou o tenente Rafael Alvarenga, do 35º Batalhão da PM.

    Aos prantos, o marido da vítima, José Roberto da Silva, clamou por justiça. “O Brasil é assim, não tem justiça. Um cara desse já tem vários boletins, várias passagens, cara que tinha matado até policial, um dia ele falou que tinha matado, roubava todo mundo aqui. Era ladrão”, disse o viúvo. “Eu peço a todas as autoridades de Minas Gerais que façam alguma coisa por nós, porque aqui a violência está demais”, acrescentou.

    Fonte: Itatiaia

    Nenhum comentário

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad

    Info Drive