Header Ads

  • Últimas

    Metrô de BH pode entrar em greve por tempo indeterminado




    Está marcada para a tarde desta terça-feira (29) uma assembleia dos metroviários na Praça da Estação, no centro de Belo Horizonte. O objetivo é definir os próximos passos da categoria quanto ao não posicionamento da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) sobre o reajuste salarial para 2018. Nesta reunião é possível que seja definida uma greve por tempo indeterminado nos serviços.

    Em conversa com a imprensa, Robson Zeferino, diretor jurídico do Sindicato dos Metroviários de Minas Gerais (Sindimetro-MG), afirmou que eles possuem uma agenda onde consta o período que deve ser apresentado a proposta do reajuste. “Até o momento eles não apresentaram nada, por isso apresentamos nossa proposta e esperamos o posicionamento deles”, disse.


    Em 23 de agosto, foi marcada no Tribunal Superior do Trabalho (TST), uma reunião de conciliação com o intuito de resolver o impasse entre servidores e CBTU. Porém, ela foi cancelada e não foi marcada uma nova data para a discussão. Com o cancelamento, a categoria fez estudos que levaram em conta a inflação do país e as perdas da empresa e chegou a uma porcentagem de reajuste.

    “Queremos 12,29% de aumento salarial, além de mais quatro níveis da tabela salarial. A proposta já foi apresentada, mas a CBTU continua não falando nada”, relata o diretor. Atualmente, o metrô da capital atende 280 mil passageiros diariamente e conta com 1.500 funcionários, fora os que são terceirizados. A assembleia acontecerá em todos os estados do país a partir das 18h.

    Fonte: BHAZ

    Nenhum comentário

    Sejam Bem vindos ao Vitrine! Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seu autor. Não aceitaremos mais comentários anônimos. Caso queira dar sua opinião tenha uma conta no Google.

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Post Bottom Ad

    Política no Vitrine