Headlines
Título do Artigo:
Escrito por Moderador

Qualidade da água do Rio das velhas que atravessa Santa Luzia está ameaçado pela Mineração

 
http://g1.globo.com/minas-gerais/noticia/comeca-expedicao-para-analisar-qualidade-da-agua-do-rio-das-velhas-que-abastece-belo-horizonte-e-regiao.ghtml

Ambientalistas iniciaram percurso na nascente em Ouro Preto e seguem até Santa Luzia; curso d´água está ameaçado pela mineração.

A qualidade e o volume de água no Rio das Velhas vão ser avaliados por uma expedição de ambientalistas, desde a nascente em Ouro Preto, na Região Central de Minas Gerais, até Santa Luzia, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O trabalho começou no fim de semana e vai até o início de junho. O Rio das Velhas abastece a capital mineira e está ameaçado pela mineração e pela ocupação desordenada do solo. 

O curso d’água nasce no Parque Municipal Cachoeira das Andorinhas, em Ouro Preto. Neste ponto, brotam as águas que abastecem a maior parte da Região Metropolitana de BH. 

“Nós estamos aqui primeiro para ter esta energia, a energia de onde ele nasce, de onde ele brota e mostrar que rios têm que ser desta qualidade. E que as ações que nós temos que fazer é para manter ambientes neste nível que nós temos aqui na Cachoeira das Andorinhas e ao longo do trajeto que vamos passar nesta semana”, disse o presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas e coordenador-geral do projeto Manuelzão, Marcus Vínicius Polignano. 

Durante sete dias, os canoístas expedicionários vão percorrer quase 300 quilômetros pelo rio. A equipe tem biólogos, geógrafos, engenheiros e analistas ambientais, que vão fazer um diagnóstico do alto da Bacia do Rio das Velhas. A avaliação será entregue a diversos órgãos ambientais. 

“Participei em 2003, e o rio nos mostrou uma realidade muito ruim naquela época. Remamos em 2009 com águas um pouco melhores, um pouco mais de presença de espécies, da volta dos peixes para o rio. E, agora, nós vamos fazer uma avaliação crítica também em relação a todo o processo de revitalização para ver o que avançamos e o que precisa ainda corrigir”, disse o analista ambiental Ronald Guerra. 

Em 2010, a meta era possibilitar que as pessoas pudessem nadar e navegar nos trechos mais próximos da Região Metropolitana, o que não ocorreu. 

“O que não foi possível devido à falta de captação e tratamento de esgoto. Mobilização com as pessoas também. Agora, com as redes sociais, o pessoal está entendendo o pertencimento que tem à Bacia, ao rio. Então, qualquer impacto que há, qualquer mudança na coloração, cheiro, aparência da água, a gente ativa estes grupos e estamos descobrindo o que está acontecendo com o rio”, disse o aquicultor Eric Sangiorgi. 

Pelo caminho, os ambientalistas também vão mobilizando as pessoas, deixando claro que a preservação é de responsabilidade de todo mundo. 

“É um privilégio, porque eu conheci o Rio da Velha no trecho de Sabará, Raposos. E ver que o Rio das Velhas é outra coisa aqui, aqui ele é preservado, que a gente tem aqui um rio propriamente com vida, não é mesma coisa quando vai descendo. Dá vontade de trazer este rio que você tem aqui para outros locais em que ele está mais degradado”, disse a bióloga Adriana de Carvalho. 

A primeira parada da expedição foi São Bartolomeu. Ao longo do trajeto, o grupo vai colher assinaturas em apoio ao programa de revitalização do rio, que vai ser lançado no fim da expedição.
“É mais uma união pelo bem comum que é o rio. O rio é a essência desta região em termos de vida, de economia. Temos que lembrar que mais de 50% pelo menos da água de Belo Horizonte provêm do Rio das Velhas. Então a morte ou vida do rio significa também a segurança hídrica da bacia e da região metropolitana de Belo Horizonte”, acrescenta o presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas. 

Fonte: G1

Mais Informações

Postado por Moderador às 12:09. Marcadores , , , . Assine Grátis nosso Feed RSS 2.0. e receba notícias em seu e-mail

Por Moderador às 12:09. Marcadores , , , . Todos os artigos Possuem Licença Creative Cummons 6.0. Cópias são permitidas somente citando a fonte com Link

1 comentários for "Qualidade da água do Rio das velhas que atravessa Santa Luzia está ameaçado pela Mineração"

  1. Anônimo

    É uma imundice esse rio

Leave a reply

INFO DRIVE

Rádio Vitrine Santa Luzia

Publicidade