Headlines
Título do Artigo:
Escrito por Moderador

Sem Dinheiro, Prefeitura de Santa Luzia deixa Funcionalismo sem receber


Nos últimos dias, Recebemos uma enxurrada de reclamações de Luzienses (que obviamente não quiseram se identificar temendo demissões), informando que a Prefeitura de Santa Luzia não paga salários há meses (não há dias). A gestão Municipal utiliza cabos eleitorais para divulgar nas redes, consultas públicas (em sites) para esclarecer que depositou os pagamentos e que vai acionar a justiça para que o serviço possa voltar a ser realizado na cidade.


O Quadro de caos no Funcionalismo público não é exclusividade de Santa Luzia, O Rio de Janeiro, por exemplo está quebrado e o natal do funcionalismo carioca deve ser um dos piores dos últimos anos. Santa Luzia, onde Roseli estufou o peito dizendo que estava com as contas em dia já mostram sinais de que o funcionalismo público mergulha mais e mais rumo ao caos.


Já são mais de 5 dias sem coleta de lixo em vários pontos da cidade. Funcionários da SANE, uma das empresas responsáveis pelo serviço, cruzaram os braços e denunciam que estão sem receber há vários meses. A Empresa alega que a prefeitura não repassa o dinheiro, o Executivo divulga que o fez, porém a empresa não repassou aos trabalhadores. Outro fato descrito são os feriados que se estendem por esta semana e talvez seja um dos motivos pelo atraso no pagamento, afinal de contas, os bancos estão de recesso. De qualquer forma, o empurra-empurra está irritando o Luziense, que já compara este período pós eleição com o último ano de desgoverno da gestão Gilberto Dornelas, o pior prefeito da História de Santa Luzia.



Coleta e limpeza em greve:

Funcionários do setor de coleta de lixo na cidade cruzaram os braços desde o último fim de semana e se reuniram em frente a antiga rodoviária onde buscam negociar com a empresa o pagamento dos salários atrasados. Centenas de coletores e vários caminhões se reuniram no local para protestar contra o empurra-empurra da empresa frente à prefeitura.


Outros setores:

Recebemos diversas denúncias de funcionários da Prefeitura, de vários setores informando que estão sem pagamento do mês de novembro, alguns afirmaram que não recebem desde antes das eleições (setembro). A Situação é tão complexa que há funcionários pedindo ajuda a parentes para não passar fome


Eleições:

Segundo o Divulgacand (site que divulga informações sobre a campanha dos candidatos a prefeito e vereador nas eleições 2016), Roseli Pimentel foi a candidata que mais gastou durante este pleito. Foram R$342.865,95 só de campanha, sendo que a candidata praticamente não fez quase nenhum comício, mesmo assim tendo pago cerca de R$ 131,200,00 para apenas um empresa de eventos. A prestação de contas de Roseli é a mais estranha entre os candidatos que disputaram a eleição deste ano, onde foram gastos valores exorbitantes para veículos ou ações que a candidata não desempenhou durante a campanha.

Os adversários políticos de Roseli afirmaram durante a campanha que havia dinheiro público sendo aplicado na campanha, porém nenhuma prova foi apresentada até o momento. As contas presentes no divulgacand não são claras e demonstram uma disparidade de valores, dando a impressão em quem ler, que há algo estranho na prestação de contas.


Pós eleições:

O que é fato, é que a prefeitura está sem dinheiro e gastou mais do que recebeu, desta forma está com o caixa no vermelho. A justificativa do executivo é de que a previsão de orçamento que foi aprovado em 2015 (para 2016) não foi suficiente para prever gastos extras como folha de pagamento e problemas em contratos como foi na antiga empresa de coleta de lixo, que teve seu nome citado na operação limpeza, onde seus diretores foram acusados de chefiar uma quadrilha de fraude em licitações na coleta de Lixo em Santa Luzia.


Fotos: Gilmar Silvério

ATUALIZAÇÃO: TERÇA-FEIRA 12:33 (VIA PORTAL VIROU NOTÍCIA)

“O serviço de coleta de lixo de Santa Luzia está comprometido por falta de pagamento”, a alegação é do chefe do departamento jurídico da SANE, Márcio Murilo Pereira que nos concedeu entrevista nessa terça-feira (14). Ainda segundo ele, a prefeitura não repassou para a empresa cerca de R$ 9 milhões. “Nos últimos três meses, pagamos os funcionários com recursos próprios. Sem o repasse da prefeitura, não conseguimos honrar os pagamentos dos trabalhadores, por conta disso, eles paralisaram os serviços, a partir dessa segunda-feira”, alega Márcio.

REUNIÃO
Pereira disse ainda que esteve reunido na prefeitura, na última semana, com os secretários de Finanças e Obras. Naquela oportunidade o órgão ficou de fazer o repasse. “Saímos de lá esperançosos. Na última quinta-feira a prefeitura fez um depósito na nossa conta que não cobriu nem o valor do ticket-refeição, que estava em atraso nos últimos dois meses. Não podemos pagar uns e deixar outros sem receber”, disse.

REPASSE
Márcio Murilo informou ainda que são quatro notas em atraso. ” A empresa fez um empréstimo para honrar os compromissos anteriores, mas agora com esse montante devido, a situação fugiu do nosso controle. A prefeitura não está sendo leal ao afirmar que pagou a SANE. O que recebemos, na semana passada, foi um valor de pouco mais de R$ 700 mil”, ressalta Márcio.

CONTRATO

“Tentamos, por diversas vezes, dialogar com a prefeitura para evitar o que está acontecendo agora. Nossa esperança é de que o órgão honre seus compromissos, caso contrário, vamos notificar a prefeitura e poderemos até mesmo suspender o contrato já que os trabalhadores estão com as atividades paralisadas em função da falta de pagamento“, disse.

O OUTRO LADO

A prefeitura de Santa Luzia garantiu que fez os repasses à empresa, na última semana, referente à duas notas, (valor bruto de pouco mais de R$ 993 mil). Ainda de acordo com a administração pública, as demais notas fiscais estão pendentes por conta de “irregularidades na emissão”.

Fonte

Mais Informações

Postado por Moderador às 16:30. Marcadores , , , , , , . Assine Grátis nosso Feed RSS 2.0. e receba notícias em seu e-mail

Por Moderador às 16:30. Marcadores , , , , , , . Todos os artigos Possuem Licença Creative Cummons 6.0. Cópias são permitidas somente citando a fonte com Link

0 comentários for "Sem Dinheiro, Prefeitura de Santa Luzia deixa Funcionalismo sem receber"

Leave a reply

INFO DRIVE

Rádio Vitrine Santa Luzia

Publicidade