Header Ads

  • Últimas

    Hospital de Santa Luzia terá serviço de urgência e um CTI


    Em meio à crise enfrentada por unidades de saúde em todo o país, com a interrupção de serviços e paralisações de médicos, o Hospital Municipal de Santa Luzia, na Grande BH, anuncia uma série de investimentos. Em três meses, o número de leitos deve dobrar e um pronto atendimento para os casos de urgência e emergência, ser implantado.

    Inaugurado há cerca de um ano, o hospital fica no Centro da cidade e funciona como espécie de retaguarda da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro São Benedito. Hoje, a instituição oferece apenas atendimento para internações e cirurgias eletivas. O projeto de expansão prevê, ainda em 2017, a criação do primeiro Centro de Tratamento e Terapia Intensiva (CTI) do município e assistência própria a pacientes submetidos a hemodiálise.


    Deslocamento

    Na cidade, 150 moradores com quadro de insuficiência renal crônica fazem tratamento de hemodiálise em unidades de saúde de BH. “O paciente sofre muito com a viagem. Fica lá o dia todo”, diz a prefeita Roseli Pimentel.

    A chefe do Executivo, reeleita no último pleito, faz questão de destacar que o Hospital Municipal será administrado por uma Organização Social de Saúde (OSS). A terceirização por meio de uma empresa sem fins lucrativos, diz ela, visa otimizar o trabalho e capacitar profissionais.

    “É uma forma de desburocratizar a saúde. Os medicamentos, por exemplo, em que às vezes se demora quatro, cinco meses para licitar, poderão ser adquiridos de imediato por ela (OSS), que ainda trabalha com a questão do controle da qualidade”.

    Atualmente, a unidade tem 45 leitos, suporte às internações da UPA São Benedito e para pacientes submetidos a cirurgias eletivas. Com a expectativa de se chegar a 90 vagas, pessoas que hoje são direcionadas para a Central de Leitos, em BH, também serão atendidas no município.


    Outra demanda que passa a ser absorvida é a dos exames de tomografia. Antes agendado em laboratórios da capital, o serviço estará disponível 24 horas por dia no hospital. Segundo Roseli Pimentel, as melhorias integram um pacote de investimentos de R$ 111 milhões previsto para o ano que vem.

    Diretor do hospital, Gustavo Aquino destaca dentre os novos serviços oferecidos o de pediatria. “Vamos manter a mesma qualidade existente na UPA. Lá (São Benedito), a pediatria é referência. São 200 atendimentos por dia”, frisa o gestor, que também está à frente da UPA.

    Fonte: Hoje em Dia

    Nenhum comentário

    Sejam Bem vindos ao Vitrine! Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seu autor. Não aceitaremos mais comentários anônimos. Caso queira dar sua opinião tenha uma conta no Google.

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Post Bottom Ad

    Política no Vitrine