Headlines
Título do Artigo:
Escrito por Moderador

Três dos 17 vereadores eleitos para a próxima gestão possuem registros Policiais/judiciais

Três dos 17 vereadores eleitos para a próxima gestão possuem registros Policiais/judiciais. O vitrine recebeu a denúncia de um leitor que não quis ser identificado, de que três dos dezessete vereadores eleitos para a próxima gestão possuem registros policiais/judiciais na policia. Os dados foram colhidos via internet e ao que parece, através do próprio sistema da corporação ou em uma consulta simples através da internet (TJMG). Há um sistema de pesquisa através do MP/TJMG e outros órgãos onde estas informações podem ser acessadas, bastando apenas digitar o nº do protocolo ou cadastro da denúncia/processo. 


Segundo os "prints" (imagens) que recebemos, o Comerciante, Ivo da Costa Melo de 45 anos, eleito com 1287 votos, que chegou a investir em campanha segundo o site do divulgacand R$ 15.201,60 possui um registro de nº 928537. Não conseguimos o acesso as informações sobre a causa do processo em questão.


Outro eleito que possui ficha é Adriano Moura dos reis, vulgo Dil do pros. Adriano tem 39 anos, e foi eleito com 1.116 votos. O politico foi um dos que menos investiram em sua candidatura, investindo apenas R$ 180. O Vereador possui um registro de nº 2465035.

Por fim, o terceiro "print" que recebemos trata do atual presidente da Câmara Municipal, João Rodrigues dos Santos, Vulgo, João binga. João binga tem 50 anos, recém completados no último dia 02 de outubro. Foi eleito com 1.246 votos. O candidato gastou em campanha cerca de R$ 10.040,01 (mais de 61% recursos próprios). O vereador possui um registro de nº 493047.

Um fato curioso é que Ivo melo, Dil e João Binga foram eleitos pela base da atual gestão e provavelmente serão representantes da prefeitura na casa legislativa no próximo mandato.

ATUALIZAÇÃO 17:16

Pelas redes sociais, o candidato eleito Adriano Moura dos Reis, divulgou uma imagem com um atestado eletrônico de bons antecedentes criminais, O que não prova que o mesmo não esteja respondendo por um processo. Atestados de bons antecedentes só acusam processos caso o acusado tenha sido condenado. Como foi explicitado pelas imagens acima, o vereador ainda responde por processo na justiça, porém ainda não foi condenado, por isso consta como "nada Consta" no atestado apresentado pelo mesmo. É o mesmo caso dos vereadores acusados por envolvimento na "Máfia do Lixo". Até que sejam condenados, puderam disputar a eleição, pois seus nomes permanecem livres de processos específicos, no caso eleitoral. Sem condenação, todos somos inocentes.


ATUALIZAÇÃO 2

Pouco depois de ser empossado como Vereador, Adriano Moura dos Reis, Dil, foi denunciado em processo citado na matéria por envolvimento na morte de um taxista da cidade de Santa Luzia. A partir do momento em que foi expedido o mandato de prisão ao vereador, o mesmo se encontra foragido da justiça. Releia o artigo aqui.

Mais Informações

Postado por Moderador às 14:09. Marcadores , , , , , , , , . Assine Grátis nosso Feed RSS 2.0. e receba notícias em seu e-mail

Por Moderador às 14:09. Marcadores , , , , , , , , . Todos os artigos Possuem Licença Creative Cummons 6.0. Cópias são permitidas somente citando a fonte com Link

0 comentários for "Três dos 17 vereadores eleitos para a próxima gestão possuem registros Policiais/judiciais "

Leave a reply

INFO DRIVE

Rádio Vitrine Santa Luzia

Publicidade