Header Ads

  • Últimas

    Fabricante Brasileira lança primeiro shampoo alisante do mundo

    O produto foi divulgado durante a feira de cosméticos Hair Brasil e garante deixar os cabelos lisos em apenas uma aplicação.



    A fabricante de cosméticos paulista Sweet Hair Professional lançou oficialmente nesta semana, durante a feira internacional de beleza Hair Brasil, um shampoo que promete alisar o cabelo em apenas uma aplicação. O produto, segundo a empresa, já foi lançado em feiras de cosméticos na Itália, Alemanha, China e Emirados Árabes. A divulgação do shampoo foi divulgada nacionalmente depois, devido a estratégias da empresa.

    De acordo com o fabricante, o procedimento é simples: primeiro é preciso umedecer os cabelos e remover o excesso de água, aplicar no mínimo 50 ml do produto por toda a extensão dos fios em movimentos circulares até obter espuma, deixar o shampoo agir por 20 minutos e enxaguar completamente. A finalização é feita secando os cabelos completamente e pranchando em mechas finas os fios da raiz às pontas numa temperatura de 180°C a 230°C.
    A Sweet Hair Professional afirmou que o procedimento só deve ser feito por um profissional. A marca garantiu que o procedimento pode ser feito em qualquer tipo de cabelo e também é compatível com todos os tipos de químicas que existem no mercado, desde processos de colorização a alisamento.
    O alisamento feito pelo shampoo, segundo o fabricante, dura aproximadamente três meses e não é permanente. Portanto, o efeito liso é retirado dos fios aos poucos com o tempo.
    O produto está sendo distribuído pelo Brasil inteiro e deve estar disponível nos salões de beleza nos próximos meses.
    Formulação e cuidados
    O rótulo do shampoo diz que o efeito alisante é garantido a partir de um blend de cinco ácidos: salicílico, alfa lipóico, glicólico, lático e hialurônico. De acordo com a tricologista membro da Academia Brasileira de Tricologia, Sandra Peroni, não há como afirmar sobre a segurança e eficácia do produto somente analisando quais são os produtos da fórmula. “É preciso fazer uma análise mais detalhada, com a ajuda de um engenheiro químico, para saber o produto é eficaz, seguro”, comenta a profissional.
    A recomendação, de acordo com a tricologista, é fazer sempre um teste de mecha antes. “É preciso saber como vai ser o comportamento da fibra capilar. Processos químicos, como coloração e descoloração, mudam o pH do cabelo e se o composto tiver a composição mais alcalina, pode provocar uma ruptura da fibra capilar”, alerta.

    Confira o antes e depois de cabelos que passaram pelo processo (via Facebook):




    Nenhum comentário

    Sejam Bem vindos ao Vitrine! Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seu autor. Não aceitaremos mais comentários anônimos. Caso queira dar sua opinião tenha uma conta no Google.

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Rádio Vitrine Santa Luzia

    Post Bottom Ad

    Política no Vitrine